Visão em Dia

Os olhos são grandes responsáveis pelas
experiências que temos ao longo de nossas
vidas, e para mantê-los saudáveis alguns
cuidados são necessários.

Uso correto das lentes de contato

O uso de lentes de contato é bastante comum, seja para fins estéticos ou oftalmológicos. Mas, independentemente do tipo de uso, elas precisam de cuidados específicos para evitar infecções e inflamações oculares.

Muitas pessoas escolhem as lentes porque não se adaptam aos óculos de grau, outras apenas porque gostam mais do efeito estético, e tem ainda aquelas que utilizam para corrigir a superfície da córnea. As indicações são muitas, como explica o médico oftalmologista, Dr.  Ricardo Nosé (CRM-SP 145706), sendo a principal indicação do uso de lente de contato para correção de vícios de refração (miopia, hipermetropia, astigmatismo e presbiopia).

“Elas também têm a função terapêutica, como em pós-operatórios de cirurgias oculares e em algumas doenças específicas da córnea. Em doenças como ceratocone, as lentes rígidas e esclerais têm o papel importantíssimo na regularização da superfície da córnea e na melhora da visão. Além disso, elas também têm a função estética e cosmética”, relata o profissional.

Quando usadas adequadamente, as lentes não causam malefícios à saúde dos olhos, mas é sempre importante estar atento ao prazo de validade e ao período prescrito para o uso das mesmas. Existem lentes de descarte diário, mensal, quinzenal e etc. Utilizá-las fora das especificações e indicações podem gerar graves danos aos olhos.

A higiene também é um habito muito importante: “As lentes devem ser manuseadas com extrema cautela. As mãos devem estar lavadas (de preferência com água corrente e sabão) e serem secas antes do manuseio. Não é aconselhável a utilização das lentes ao imergir em banheira, piscina ou água do mar”, indica o especialista. Certifique-se também com o seu médico oftalmologista se sua lente tem indicação para dormir com elas, já que hoje existem lentes de uso contínuo que permitem isso hoje em dia.

As lentes de contato devem ser usadas com indicação médica, pois devem ser adaptadas à forma dos olhos e necessidades de visão de cada usuário. É importante lembrar que não devem ser compartilhadas, o que pode aumentar ainda os riscos e transmissão de doenças infecciosas.

“O uso inadequado de lentes de contato, além de predispor infecções, pode levar à sintomas de olho seco e alergias oculares”, adverte o oftalmologista. O uso de colírios lubrificantes, conhecidos como lágrimas artificiais, é indicado para aliviar os sintomas do olho seco e ajudar na lubrificação dos olhos de quem usa lentes.

Por fim, as lentes não devem ser utilizadas em casos de alergias e infecções oculares. Todo usuário de lentes de contato que apresentar sintomas, incluindo olho vermelho, deve procurar imediatamente um médico oftalmologista.


O texto acima possui caráter exclusivamente informativo. Jamais realize qualquer tipo de tratamento ou se automedique sem a orientação de um especialista.

 

Taís Cruz - MTB 0083367/SP

Visite regularmente seu oftalmologista

Precisa de oftalmologista?

Encontre um médico aqui.

Teste de Amsler

Faça a auto avaliação da mácula.

Clique aqui

Médicos

Acesse aqui o Portal Oftalmo.

Clique aqui
Apoios